A nova realidade das Startups

Com certeza você já ouviu falar de Startup, não é mesmo?

Existem várias definições para o termo Startup como podemos ver na Wikipedia.

Durante a II Business Week, evento realizado pela MUST University via Youtube, apresentamos essa temática junto ao nosso aluno recém formado, Mestre, Tibério Praxar com uma visão aprofundada e atualizada sobre o assunto Startup.

Tibério traz um conceito de startup muito utilizado em seu dia a dia:

Uma ideia traduzida em serviço jamais vista pelo mercado e que otimizaria a realidade das pessoas, mas

O que é uma Startup?

Startup é uma empresa que tem a perspectiva de crescimento acelerado a partir de uma ideia inovadora e um plano de negócios escalável. 

Segundo a Startse o conceito de startup é: “uma empresa jovem com um modelo de negócios repetível e escalável, em um cenário de incertezas e soluções a serem desenvolvidas.”

Caso você queira aprofundar a sua leitura sobre Startup, clique aqui e confira a matéria completa no site da StartSe.

Startups do mercado brasileiro

O Brasil tem passado por uma grande crescente no número de startups e esse crescimento do cenário se dá a uma grande facilidade do brasileiro em inventar novas formas de resolver velhos problemas. 

A estimativa é que no ano de 2022, de janeiro a outubro as startups brasileiras captem investimentos no setor atingiram US$ 4,1 bilhões, o que representa R$ 20 bilhões (Fonte: Suno)

Mas esses valores não retratam a realidade de muitos empreendedores que estão iniciando a sua caminhada no mundo das startups.

Muitas vezes essa caminhada se inicia sozinha, partindo de uma “dor” e de uma solução encontrada pelo empreendedor. 

A nova realidade das startups

Durante o II Business Week, o aluno Tibério Praxar explicou que na empresa Unimentor, avalia a viabilidade de aproximadamente 200 empresas por ano e que geralmente essas startups prometem sempre uma ideia jamais vista e que serão os novos unicornios brasileiros. 

Muitas delas acabam não sendo aprovadas, pois as ideias já existem e apenas são executadas de maneira diferente, tornando mais distante um possível investimento e a continuidade do projeto. 

Por mais que vivemos um período onde várias startups estão despontando, existem outras que estão fechando as portas ou simplesmente não sendo fundadas pela duplicidade de projeto, evidenciando uma nova realidade no mundo das Startups. 

Há pouco tempo era muito fácil a captação de investimento para iniciar um projeto através de investidores endinheirados e que acreditavam no sucesso meteórico do projeto, mas na prática, a falta de gerenciamento e planejamento fez com que essas empresas gerassem gastos de maneira desordenada, trazendo pouco retorno ao investidor.

Nos dias atuais, após a pandemia e de “rios de dinheiros” investidos com baixíssimos retornos, os investidores diminuíram seus aportes financeiros em startups, criando assim um movimento de demissão em massa em várias empresas que não estavam tendo o retorno desejado. 

Um termo utilizado por Tibério em sua palestra foi que “as startups deixarão de ser unicórnios e passarão a ser camelos”, com gastos previsíveis e altamente escalável, forçando o orçamento ser diluído de forma econômica, e enfatizando que apenas as boas ideias serão mantidas, desde que planejadas prevendo cenários de segurança econômica para serem investidas. 

Conheça nosso palestrante:

Tibério Praxar é diretor da empresa Unimentor, palestrante, autor do livro “Família, família, negócios à parte: Transformando ideias e hábitos mentais em algo útil”. Mestre em Negócios Internacionais pela MUST University, com MBA em Gestão de Instituição de Ensino Superior UNINASSAU e Especialista em Marketing pela Fcap. 

Ficou curioso e quer assistir a palestra completa?

Clique aqui e confira a palestra do nosso aluno na II Business Week. 

Você sabia? 

Você sabia que a MUST University conta com um projeto de aceleração de empresas?

É o MUBE, um programa voltado para todos alunos da MUST que tem alguma ideia inovadora e que pode decolar. 

Ficou interessado em saber mais sobre o MUBE? Preparamos um material bem bacana para tirar todas as suas dúvidas, clique aqui.

SHARE THIS POST

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RELATED
POSTS

Pular para o conteúdo