Chat GPT cria nova carreira o ‘DJ de IA’

Resenha elaborada através da matéria publicada pelo Jornal ‘O Estado de São Paulo’, domingo, 5 de fevereiro de 2023 por Bruno Romani.

Ousando fazer uma introdução sobre a matéria, apresentamos a definição e a conceituação do tema ChatGPT para melhor entendimento de um assunto que tem tido uma grande repercussão recentemente. 

Os sistemas de inteligência Artificial como o ChatGPT (optimizing language models for dialogue which interacts in a conversational way), são ferramentas que utilizam de um robo, que utiliza algoritmos para que seus chats imitem uma conversa humana, que pode interagir com usuários automaticamente, usando a AI e o aprendizado de máquina para solucionar dúvidas e fornecer milhares de informações.   

O ChatGPT é um robô de bate papo gratuito capaz de produzir conteúdo inédito, como texto, imagens e vídeos. Essa ferramenta gera diversas informações sobre diversos assuntos, sem restrições.  

A complexidade das respostas e a sofisticação da organização do texto chamam a atenção. Ele é capaz de produzir discursos de casamento, e-mails corporativos, textos jornalísticos, e códigos de computação. 

Saber dar bons comandos para que as máquinas trabalhem será fundamental no futuro.   

A matéria inicia fazendo referência ao engenheiro de prompt, a nova ocupação proporcionada pelos sistemas de Inteligência Artificial (IA’s), mais especificamente o ChatGPT.  

Essa nova carreira está sendo comparada aos DJs que não criam as músicas, mas sabem manipular as canções de terceiros. De forma similar, os engenheiros de prompt são profissionais capazes de operar os novos sistemas de IAs e tirar o melhor deles. 

Apesar desse sistema ChatGPT ser popular e segundo a Similarweb, já alcançou100 milhões de usuários ativos em janeiro, sendo o serviço com o crescimento mais veloz da história, e também, por ser um sistema que veio ao público recentemente, o mercado de trabalho ainda está tentando entender se estamos diante de uma nova profissão ou de um novo conjunto de habilidades.  

Levando esses aspectos em consideração é importante e necessário ter conhecimento específico sobre a área de atuação. Por exemplo, uma IA no mundo jurídico vai produzir uma petição, mas, sem os comandos corretos, ela pode não atingir os objetivos.

Isso significa que o engenheiro prompt precisa garantir que a IA seja eficiente em um determinado contexto, mas também trazer profundidade e personalidade ao material gerado pela máquina (robô).

Em qualquer situação o papel do curador é fundamental. 

Outro aspecto que deve ser considerado é que o ChatGPT, é uma ferramenta poderosa que inaugura uma nova fase  na relação da humanidade com as máquinas, e que traz implicações econômicas e sociais significativas e de grande impacto. 

De acordo com a matéria, o crescimento de sistemas de inteligência artificial (IA) como ChatGPT, coloca em perigo muitas profissões. Esse assunto é aboradado no último item da matéria sobre o impacto que esse sistema pode causar nas profissões. 

Segundo pesquisa, da Universidade de Oxford em 2013, foi publicado um estudo no qual estimavam que 47% das profissões dos EUA seriam afetadas por tecnologias de automação, como IA e robótica. Hoje já sabemos que um número muito maior de profissões pode ser afetado por esse fato. 

Segundo o Professor Edney Souza, da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), “Todas as profissões que trabalham com textos serão afetadas pelo ChatGPT”.

Além disso, no mundo corporativo cargos executivos e administrativos também serão afetados. As áreas de Educação, Publicidade, Jornalismo e Direito também se encontram entre as profissões que sofreram o impacto do ChatGPT. 

E não fica por aí o impacto, como esse sistema também consegue escrever código e fazer contas, as áreas de computação, engenharia, arquitetura e design também serão afetadas. 

A matéria vai ainda mais longe, destacando que com o avanço das IAs gerativas, todas as   profissões que trabalham com imagem e vídeo sentirão esse impacto. Especialistas no assunto, apontam que a nova era pode ter impacto inédito em profissões do Ensino Superior. 

O assunto das IAs gerativas tornou-se um dos temas principais do último Fórum Econômico Mundial, em Davos, tratando do impacto econômico e das possíveis alterações das forças geopolíticas globais. 

De acordo com o presidente da Microsoft Brad Smith, “As IAs gerativas serão importantes para a competitividade global e para a segurança das nações”.   

A matéria finaliza apontando que os países estão buscando maneiras de regular a tecnologia, incluindo outras questões como a ética, transparência, direito autoral, e bem-estar social.

No entanto, todos nós sabemos que o mais difícil é lidar com a velocidade, considerando que a cada dia esses sistemas ficam cada vez mais sofisticados, proporcionando avanços ainda não imaginados.    

Profa. M. Elisa Ehrhardt Carbonari – Doutora em Educação-UNICAMP 

Dean of Educational Program – MUST University -Fl USA 

Fevereiro/2023 

SHARE THIS POST

RELATED
POSTS

Pular para o conteúdo