JORNADA RUMO À FELICIDADE: REFLEXÕES MULTISSENSORIAIS E TRANSFORMADORAS

O 1º Happiness Brasil Summit contou com uma série de palestras e intervenções que abordaram diversos aspectos da felicidade e do bem-estar.

O 1º Happiness Brasil Summit, idealizado pela cativante Sandra Teschner em colaboração com Tatiana Monteiro de Barros e a Agência Multicase, deixou sua marca. Sob o apoio da Secretaria de Turismo e Cultura do Estado de São Paulo, este evento singular floresceu em 26 de março, no Octavio House Faria, em São Paulo.

No mês em que celebramos a temática da Felicidade, este encontro não poderia ter sido mais oportuno. No entanto, transcendeu as expectativas convencionais de uma conferência. 

O Happiness Summit foi uma verdadeira revolução de paradigmas, repleto de talks, painéis e palestras concisas, apresentadas de forma admirável. “Não se limitou apenas ao intelecto, mas incorporou experiências sensoriais inéditas e envolventes, repletas de sons e aromas que nos transportaram a um estado de êxtase, elevando nossas mentes e almas a um patamar superior”, disse Luana Miranda, uma das participantes do evento, que veio de Santa Catarina prestigiar esse encontro e buscar mais significado para o seu trabalho e sua vida.

Naturalmente, a presença da MUST University, que certifica os cursos de Felicitadores (Chief Hapiness Officer) de Sandra Teschner, era indispensável. O corpo docente da instituição contribuiu com seu carisma singular.  “É uma grande honra para nós, como instituição acadêmica, apoiar um evento dessa magnitude. Sabemos o quanto a saúde mental e o bem-estar estão atrelados à produtividade e ao sucesso”, declara Giulianna Carbonari Meneghello, presidente da MUST University.

Para a professora Luciane Soutello, pesquisadora e professora da MUST University, o Hapiness Summit foi uma revelação. “Sem dúvida, a verdadeira prosperidade de uma empresa reside no bem-estar e na satisfação dos seus colaboradores. Estou convencida de que investir no lado humano é o caminho para o sucesso sustentável das organizações”, destaca. 

Já a professora Deborah Costa, Coordenadora de Relacionamentos da MUST University, revela-se honrada em apoiar este evento. “Acreditamos que o ambiente de trabalho positivo e o cuidado com o bem-estar dos colaboradores são fundamentais para o crescimento pessoal e profissional. Estamos comprometidos em promover esses valores tanto dentro quanto fora de nossos muros acadêmicos”.

O professor Daniel Côrrea, que aplica a disciplina de leis e éticas no mestrado de Gestão em Cuidados da Saúde da MUST, também marcou presença no 1º Happiness Brasil Summit. “Incrível a sensação de conexão, pertencimento e alegria que esse encontro proporcionou”.

Experiências multidisciplinares.

O evento contou com uma série de palestras e intervenções que abordaram diversos aspectos da felicidade e do bem-estar. Sandra Teschner abriu as discussões falando sobre a Ciência da Felicidade no trabalho e na vida. Em seguida, Chen Gilad, Rogerio Nunes e Renato Fiochi discutiram a Felicidade Corporativa sob diferentes perspectivas, incluindo a visão da liderança empresarial e do mercado de recursos humanos.

Lauren Richardson trouxe reflexões sobre a chave mestra da felicidade, enquanto Jim Lippens apresentou quatro modelos de liderança e compartilhou uma pesquisa inédita em parceria com a Universidade de Liége Antuerpia. Jeena Earthiva realizou uma intervenção multissensorial sobre o tema “Batendo o Esgotamento”.

Outros temas abordados incluíram educação financeira, empreendedorismo, inteligência na infância, relações familiares, estilo de vida feliz, moda e sustentabilidade. Destaque também para discussões sobre bem-estar emocional e interpessoal, multissensorialismo, e felicidade no trabalho.

O evento encerrou com música e dança, além do lançamento do livro “Felicidade se Aprende”, proporcionando momentos de conexão e boas relações entre os participantes.

“O verdadeiro sucesso de um evento é medido pela magnitude das transformações que promove. E foi incrível notar o nível de engajamento dos participantes! Realmente sentimos que todos ali anseiam por mudanças e estão com a mente aberta para fazer parte desse processo!”, destaca Sandra Teschner, fundadora  do Instituto Hapiness do Brasil.

Pular para o conteúdo